Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A miúda de preto

Blog de Ana Santos

A miúda de preto

Blog de Ana Santos

Dormir (de)mais!

Se há coisa que não existe na maternidade é dormir em condições. Ponto final. Mentalizem-se de vez!

Se a criança é pequena, é porque é pequena. Se está doente, é porque está doente. Se tem pesadelos, a culpa é dos mesmos, and so on and on and on... Nunca pára este regime materno-militar, em que os zombies-papás têm que estar sempre em constante alerta para uma frequente incursão!

Eu levei muito tempo a mentalizar-me uns 80% de que não vou dormir 6 ou 7 horas de seguida, todas as noites. Muito tempo mesmo. Mas actualmente os outros 20% ainda me deixam ter alguma esperança estúpida em certos dias (motivados pelo cansaço extremo, muito provavelmente).

Mas isto tem sido muito duro! Demasiado duro!

Como é que se aguenta não dormir na maioria das noites?!

Nas poucas noites em que a miúda dorme, sou eu que tenho insónias e despertares madrugadores, devido à falta de rotina no sono.

Quando acredito que vou dormir, ela fica doente ou tem pesadelos e lá vai a esperança de dormir por "água abaixo".

No meio deste caos sonolento, acontece 1 ou 2 noites por semestre eu conseguir dormir de seguida 7 ou 8h (a miúda ficou a dormir em casa dos avós ou deitei-me às 22h30 e ela dormiu de seguida). De manhã, nem me parece normal o que me acontece: o inchaço na cara e na zona dos olhos é tremendo (pareço um cão sharpei) e mal consigo manter-me acordada. Também fico zonza e aos tombos, sempre a esbarrar em tudo e a mexer-me a passo de caracol. O meu cérebro não responde, não me permite reagir e agir.

Como é possível?! Afinal, até dormi.

Não é normal, certo?! 

Se não dormir, fico mais desperta e melhor " encarada" do que o contrário!

Que "cena" mais estranha!

Ai, maternidade, és mesmo contraditória!

Enfim...

 

Hoje, precisava de algo assim, pois até dormi mas estou completamente zombie!

_20180412_103415.JPG

 

A miúda...

foto do autor

Comentários recentes

  • Ana S.

    Obrigada! :)

  • Tudo Mesmo

    Parabéns: um aninho!

  • Ana S.

    Obrigada, Samantha, pelas tuas palavras de apoio! ...

  • Samantha Em Chamas

    Ando a ser acompanhada na psicóloga e pela primeir...

  • Ana S.

    Em casa não tenho doces, mas no trabalho sim (máqu...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo